Lendo o site Incrivel.club achei uma matéria que deveria compartilhar aqui nesta categoria, precisamos ficar atentados para não sermos enganados e também comendo coisas que podem nos fazer mal.

Maneiras de detectar se a comida está vencida ou foi alterada

Para que os alimentos durem mais tempo e para diminuir o custo de produção, alguns fabricantes enchem os alimentos de produtos químicos que fazem com que prejudiquem a nossa saúde.

Para que você não acabe com um monte de comida de má qualidade na geladeira, trazemos dicas que vão te ajudar a detectar quando os alimentos foram alterados.

1. Ricota

Em geral, para aumentar o peso do produto os fabricantes acrescentam amido. Como resultado, nós adquirimos um produto que não é ricota pura, mas uma massa densa com o mesmo sabor.

Como comprovar? Para detectar se o alimento tem amido, acrescente algumas gotas de iodo em um pedaço e mexa. Um alimento de baixa qualidade fica imediatamente azul. Infelizmente, só dá pra fazer isso depois de comprada. Mas, se acontecer, vale reclamar!

2. Leite

Para economizar e aumentar a data de validade, os fabricantes substituem o leite de qualidade por leite reconstituído. Ele tem mais ou menos quantidade de gordura.

Como comprovar? Descobrir se um leite foi alterado é fácil: misture um pouco com álcool na proporção de 1 para 2. No leite natural, em apenas 5 segundos aparecerão flocos. Em um leite alterado o processo demora mais tempo.

3. Frutas cristalizadas

As autênticas fruta cristalizadas são feitas com…frutas! São cozidas em açúcar, secas e jamais têm uma cor muito intensa.

Como comprovar? Para verificar a qualidade, coloque a fruta na água morna. As de baixa qualidade perdem a cor ou se dissolvem em alguns minutos. Isso significa que o fabricante substituiu as frutas por gelatina e corante.

4. Manteiga

A manteiga falsificada é uma espécie de margarina.

Como comprovar? Se derramar um pouco de água fervendo sobre um pedaço de manteiga, ela se dissolve rapidamente e se mistura à água. A margarina, por outro lado, se despedaça e fica flutuando.

5. Arroz branco

Não é muito comum, mas alimentos baratos como o arroz também são falsificados. Ele pode ser substituído por pedacinhos de plástico. São feitos de resina sintética e batata, mas parece arroz.

Como comprovar? Coloque fogo em um punhado de arroz. Se for falso, o cheiro de plástico queimado será muito forte e ele vai liberar fumaça preta.

6. Caviar

O caviar é um alimento muito caro, o que faz com que as falsificações sejam mais frequentes. O caviar falsificado costuma ser feito de algas.

Como comprovar? Coloque alguns grãos em água fervendo. Se for autêntico, a proteína irá produzir uma espuma branca. O caviar de algas se dissolve na água e não deixa qualquer resíduo de espuma.

7. Mel

Para aumentar o volume do mel, fabricantes colocam melado de cana, giz, amido de milho ou farinha.

Como comprovar? Para detectar se há giz, basta dissolver um pouco de mel na água e acrescentar algumas gotas de ácido acético. Se a solução começar a produzir espuma, ela foi alterada.

Para determinar se o mel contém amido, basta colocar em um copo água morna e acrescentar uma colher de mel. Depois, acrescente de 3 a 5 gotas de iodo. Se o mel tiver muita farinha ou amido, a solução ficará escura.

8. Vinho

O vinho tinto pode ser feito com uma espécie de pó ou simplesmente receber mais açúcar — que é muito mais barato que um bom vinho. Descobrir que um vinho foi alterado não é fácil.

Como comprovar? Coloque em um prato um pouco de bicarbonato de sódio e acrescente vinho tinto. Se a bebida for natural, a mistura ficará azul. O vinho com pó deverá ficar da mesma cor.

9. Maionese

Uma maionese falsificada pode fazer muito mal à saúde.

Como comprovar? Assim como com a ricota, use o truque do iodo. Acrescente umas gotas na maionese e mexa. Se ela for feita com amido, ficará escura rapidamente.

10. Peixe

Em geral, o peixe costuma ser vendido fresco. Mas como se trata de um produto que vence rapidamente, é bom ficar de olho.

Como comprovar? Um peixe fresco tem os olhos da mesma cor, as escamas completas e as brânquias avermelhadas. O peixe que já está passado tem os olhos brilhantes, as escamas se soltam e as brânquias ficam escuras.

Alguns vendedores tentam esconder os sinais: limpam as escamas e cortam a cabeça. Nesses casos, é importante que as postas de peixe sejam avermelhadas ou rosa, e não da cor café.

Gostaram das dicas? Interessante não é mesmo? Visitem o site Incrivel.club, tem muita coisa lá que com certeza você não sabia. (rsrs)

Jeane Carneiro
Ou apenas "Jéu", 35 anos, vitrinista, maquiadora e viciada em batons, apaixonada por moda e fotografia. Esposa apaixonada, divido meu tempo entre blogar, cuidar dos meus amores, da casa e valorizar a beleza da mulherada.
Comentários Wordpress
5 Comentários para Você Sabia? Descubra se sua comida foi alterada
  1. Minda Silva escreveu...
    02 ago 2017

    Eu hein? É cada coisa que se vê nesse mundo, nunca testei nada nem sabia que podia …Vou fazer alguns testes agora fiquei curiosa … Bjs (•‿•)

    Responder
  2. Nique escreveu...
    02 ago 2017

    Nossa. Temos que ficar atentos a tudo. Tenho medo dessas coisas. Confirmo tudo. Ótimo post!!!

    Responder
  3. Jaqueline Ribeiro escreveu...
    02 ago 2017

    Que legal essas dicas. Vou fazer vários testes para descobrir se é alterado ou não =)
    Bjus
    Jaque
    http://www.quebreiaregra.com.br

    Responder
  4. Joana D'arc escreveu...
    02 ago 2017

    Oi!!
    Que interessante gostei da dica. Vou ficar de olho
    Bjo

    Responder
  5. Dani Nicolau escreveu...
    02 ago 2017

    Menina tô passada! Adorei saber isso é já vou testar com o vinho. Muito boa essas dicas.

    Responder

Comentários Facebook
%d blogueiros gostam disto: